O Amigo da Mulher

O Amigo da Mulher

 O melão tem várias propriedades terapêuticas importantes, e iremos explanar cada uma delas e esclarecer algumas dúvidas a cerca do assunto.

“Cucumis Melo” é o nome científico de melão, e este, é produzido por uma planta da família das cucurbitáceas, originárias da Ásia e aclimada no Brasil. Podemos observar a composição química do melão:

Em cada 100 gramas de melão:

 

Calorias

30,20

Água

92,00 g

Hidratos de Carbono

6,35 g

Proteínas

0,84 g

Gorduras

0,13 g

Sais

0,60 g

Vitamina A

2800 U.I

Vitamina B¹ (Tiamina)

30,00 mcg

Vitamina B² (Riboflavina)

20,00 mcg

Vitamina B (Niacina)

0,53 mg

Vitamina C (Ácido ascórbico)

27,90 mg

 

Estes dados, referentes às vitaminas, correspondem ao melão americano. Os sais minerais contidos em 100 gramas de melão dão as seguintes porções:

 

Composição Química

 

Potássio

235,00 mg

Sódio

61,00 mg

Cálcio

17,00 mg

Fósforo

16,00 mg

Ferro

0,40 mg

 

 

Uso Medicinal

         O melão maduro é tido como calmante, refrescante, alcalinizante, mineralizante, oxidante, diurético, laxante, emoliente. Tudo de que a mulher necessita.

         É recomendado contra a gota, o reumatismo, o artritismo, a obesidade, a colite, a atonia intestinal, a prisão de ventre, as afecções renais, a litíase renal, a nefrite, a cistite, a leucorréia, a uretrite, a blenorragia.

         O suco de melão é indicado no tratamento da febre tifóide e é útil contra as mucosidades da garganta, do esôfago e do estômago, e contra a acidose.

         As curas de melão são muito indicadas contra a cirrose hepática, a hepatite, a icterícia, os cálculos biliários, a insuficiência hepática e outras afecções do fígado.

         O Prof. Nicolas Capo recomenda o melão às mulheres que sofrem do útero e dos ovários; afirma que esta fruta elimina “pólipos, coágulos de sangue, inflamações, irritações, úlceras e o sangue tóxico que circula pelo útero”. “O melão”, diz o Prof. Capo, “Produz um efeito dissolvente e oxidante sobre o sangue que se acumula nos ovários e tende a cicatrizar os vasos sanguíneos duma forma natural; portanto, convém.. às que sofrem de menstruações difíceis, como também na idade da menopausa, pois regenera o sangue e normaliza o fluxo sanguíneo”.

         As sementes do melão são tenífugas, como as da abóbora. Para expulsar a tênia, mastiga-se muito bem certa porção de sementes, pela manhã, em jejum, e, uma hora depois, torna-se um purgante.

         Trituradas e preparadas em forma de orchatas, as sementes têm indicação nas infamações do estômago, do fígado e do baço, nas disenterias, nos estados febris, nas inflamações das vias urinárias e na falta de apetite.

         Contra as hemorróidas internas, é útil a introdução, no reto, de pedaços de melão cortados em forma cilíndrica.

 

Valor Alimentício

        Como o melão não combina facilmente com qualquer alimento, a não ser com frutas doces, o melhor é comê-lo só. Como sobremesa nunca se deve ingeri-lo, pois, neste caso, pode ocasionar desarranjos digestivos.

         O melão deve ser muito bem mastigado, e não convém que o usem as pessoas que sofrem de dispepsia, estômago dilatado, cólicas e até mesmo a diarréia.

 

Como Utilizar o melão para aliviar cólicas Menstruais e a Menopausa?  

        Deve-se começar com uma desintoxicação branda – de três a sete dias – com a seguinte dieta:

Desjejum: Um dia só melão, outro dia laranja (Comer o bagaço branco pois é rico em bioflavonóides, que previnem hemorragias menstruais), e outro dia, apenas bebidas alcalinizantes (Água, suco verde, suco de melão, suco de cenoura, suco de pepino, vitamina de abacate). Utilizar estes três alternadamente durante os sete dias.

 

Almoço: Salada de brotos com outros folhosos. Se quiser, utilize tomatinhos (daqueles pequenos, menos sujeitos ao tratamento com agrotóxicos). Abóbora ou batata, cozidas, legumes e arroz integral ou algumas torradas de pão integral e tofu. Quando usar batata, não comer torradas ou arroz. A partir do terceiro dia de dieta, acrescentar seis amêndoas doces.

 

Jantar: Frutas, como maça, mamão, pêra, pêssego, ameixa, sementes de girassol e algumas torradas de pão integral. Comer primeiro as frutas, depois as torradas.

 

Intervalos: Água-de-coco ou fruta, se houver fome.


Programa Saúde Total

Levando informações aos ouvintes sobre saúde e qualidade de vida, valorizando os benefícios da natureza: ar puro, atividade física, água, luz solar, alimentação, repouso, abstinência e muito mais.